Mês: dezembro 2017

Receita de farofa salgada para ceia de Natal

Ingredientes:
1 colher de manteiga sem sal
100g de bacon em cubinhos
½ cebola ralada
100g calabresa em cubinhos
3 xícaras de farinha de milho
1 xícara de farinha de mandioca
1 xícara de couve cortada fininha
4 ovos

Modo de preparo:
Em uma panela refogar bem o bacon e a calabresa. Adicionar a cebola e deixar murchar, adicionar os ovos e mexer até que esteja bem cozido, acrescentar as farinhas aos poucos e ir mexendo. Finalizar com a couve e a manteiga (temperatura ambiente), mexer por um minuto e servir.

Tempo de Preparo: 20 minutos

Rendimento: 600g

Fonte: Divino Fogão – www.divinofogao.com.br

Anúncios

Não persista na tolice

tolice

“Alguns insistem no erro e, porque começaram a errar, parece-lhes
perseverança seguir assim. No fundo, reconhecem seu erro, mas junto aos
outros o defendem; se quando começaram com a tolice eram vistos como
imprudentes, ao continuarem, são confirmados como tolos. Nem a promessa
irrefletida nem a decisão equivocada devem nos obrigar ao erro. Algumas
pessoas insistem na burrice inicial e prosseguem com a sua inépcia. Querem
ser tolos fiéis”. A arte da sabedoria Mundana por Baltasar Gracián.

Por que está chegando o Natal

natal

Meu amigo Celso já enviou o CD com músicas natalinas cantadas pela Simone. Ainda não recebi nenhum cartão. A TV já anuncia na sessão da tarde filmes antigos sobre o tema (já estou esperando o Esqueceram de Mim). A cidade já está mais iluminada (deveria ser o ano todo). Não recebi décimo terceiro ainda mas já comprei o presente do amigo secreto. Já estou ficando entendiado. Meu amigo chato do Whatzapp já está enviando lindas mamis noel. Já tenho dívidas até o próximo Natal. Os motoristas estão cada dia mais loucos nas vias e eu ia esquecendo um sinal vermelho. Por que vermelho é Natal. Já estou ficando preparado para assistir ações boazinhas de muita gente que não foi bonzinho durante o ano. Mas um outro amigo já prometeu pagar o que me deve no próximo ano: eu sei que isso é um mantra mal escrito. É tempo dos homens de bem. Os que não são do bem somem e reaparecem no dia 2 de janeiro. Daqui a pouco é Natal e tem (terá?) peru, ceia, presente, árvore exótica e música natalina da Simone…