Autor: Gilberto da Silva

Escrevo, às vezes com raiva, às vezes com medo, tudo que posso: notícias, histórias inventadas, poesias, resenhas, artigos em geral. Assim vou tocando em frente...

Natal sem culpa: aprenda a fazer uma sobremesa deliciosamente saudável

Dupla de cozinheiros Irmãos na Cozinha ensinam receita de doce low carb extraída do livro “Ser saudável é uma delícia” para as festividades de final de ano

As festas de fim de ano estão chegando e com elas as ceias de Natal e Ano Novo. E, nessa época, é comum que muitas pessoas abandonem a rotina da alimentação saudável. A escolha do prato principal e, principalmente, das sobremesas também se tonam um dilema, pois além de saborosas, é importante que sejam feitas as escolhas certas.

Para ajudar na escolha de quais doces saborosos e com baixa calorias consumir, os Irmãos na Cozinha, dupla de sucesso no Instagram formada pela nutricionista Carol Bustamante e pelo tenista Rodolfo Bustamante, lançam pela Bazar Editorial, do Grupo Editorial Edipro, a obra Irmãos na cozinha – Ser saudável é uma delícia, que ensina como adoçar a vida e, ainda assim, seguir uma alimentação equilibrada, nutritiva e cheia de sabor.

O livro apresenta 55 receitas de doces saudáveis e fáceis de fazer em casa. Os cozinheiros e a editora colocaram à disposição uma prática e deliciosa receita para preparar no Natal e Ano Novo, sem abandonar na alimentação saudável, pois além de low carb, esta receita é rica em fibras e possui baixo índice glicêmico. Confira:

Manjar de coco com calda de morango
Tempo de preparo: 10 minutos
Rende: 4 porções

Ingredientes
Manjar

  • ½ a 1 envelope (3-5 g) de ágar-ágar
  • 600 ml de leite de coco (p. 30)
  • 4 colheres (sopa) de eritritol
  • ½ fava de baunilha ou ½ colher (chá)
    de extrato de baunilha (p. 38)
  • ¾ de xícara de coco em flocos

Calda de morango

  • 1 xícara de morango picado
  • ¼ de xícara de água
  • Gotas de limão
  • 1 colher (chá) de eritritol
  • Coco ralado fino

Modo de preparo

Manjar

  1. Em uma panela, dissolva o ágar-ágar em 300 ml de leite de coco.
    Para um manjar mais firme, use mais ágar-ágar; se gostar dele mais macio, use menos.
  2. Leve ao fogo e cozinhe por 3 minutos após ferver, mexendo sempre.
  3. Desligue o fogo e misture bem com o restante do leite de coco frio e os demais ingredientes.
  4. Coloque em uma fôrma grande ou em quatro pequenas.

Calda de morango

  1. Em uma panela, coloque todos os ingredientes e leve ao fogo para que cozinhem até apurar.
  2. Despeje sobre o manjar já frio e finalize com o coco ralado.

 Receita retirada do livro “Ser saudável é uma delícia”, p. 77

Ficha técnica 
Editora: Bazar Editorial 
Assunto: Culinária/Saúde 
Título: Irmãos na Cozinha – Ser saudável é uma delícia – 55 receitas doces
Preço: R$ 69,90 
ISBN: 9786586741001 
Edição: 1ª edição, 2020 
Altura: 24,6 
Largura: 17,6 
Profundidade: 1,7 
Número de páginas: 156 

1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) vai realizar a 1ª Bienal Virtual do Livro de São Paulo, de 7 a 13 de dezembro de 2020. Com o tema Conectando Pessoas e Livros, o evento acontecerá pelo portal www.bienalvirtualsp.org.br que dará acesso gratuito a toda programação e novidades do mercado editorial. Com mais de 100 expositores e 330 autores confirmados, o evento contará com uma grade intensa de programação, venda de livros, além de rodadas de negócios.

O primeiro grande evento virtual do segmento possibilitará o encontro de leitores, escritores e profissionais do mercado editorial de qualquer lugar do mundo. Segundo Vitor Tavares, presidente da CBL, o evento virtual está mais do que nunca democrático, diverso e multicultural.

“Pela primeira vez, pessoas de todos os lugares do Brasil e do mundo poderão participar dessa grande festa, conhecendo as novidades, fazendo bons negócios e aproveitando as palestras que jamais estariam disponíveis de outra forma. Nossa expectativa é receber mais de 1 milhão de visitantes on-line”, destaca Vitor Tavares. Na edição passada, o evento presencial contou com um público de 663 mil pessoas.

O ambiente virtual também vai possibilitar que o público assista a todas as palestras por mais tempo. O portal fica no ar até 13 de janeiro e não há necessidade de cadastro para assistir aos debates e visitar as salas dos expositores.

A Bienal Virtual levará para o ambiente digital seus espaços culturais, como o Salão de Ideias, Papo de Mercado e Arena Virtual. Ambos os espaços irão reunir autores e profissionais do mercado editorial em discussões com temas variados como racismo, empoderamento feminino, comportamento e espiritualidade.  Nomes como Verônica Oliveira, Mauricio de Sousa, Raphael Montes, Nara Bueno, Claudia Raia, Isabela Freitas, Leandro Karnal, Monja Cohen e Mário Sergio Cortella compõem os mais de 70 bate-papos previstos na programação do espaço Arena Virtual. 

No Salão de Ideias, haverá discussões de amplo interesse com escritores, pensadores e profissionais do mercado. Entre os autores estrangeiros, estão confirmados Sarah MacLean, Scarlett Peckham, Nic Stone e Gavin Roy.

A Bienal também trará lives dedicadas aos centenários de Clarice Lispector e da obra de Agatha Christie. Quatro mesas abordarão obra e vida de Clarice e a percepção de sua literatura hoje em dia. Já o estilo romance policial de Agatha Christie será discutido como ainda hoje influencia a literatura do gênero, mesmo 100 anos após a publicação de seu primeiro livro, “O Misterioso Caso de Styles”.

Para coordenar a programação cultural do espaço Arena Virtual, a CBL convidou Diana Passy, criadora da FLIPOP, primeiro festival literário voltado para o público jovem do Brasil.

Os profissionais do mundo editorial também terão espaço garantido nas discussões que farão parte do Papo de Mercado. Tendências, perspectivas e novidades do mercado e da indústria cultural poderão ser acompanhadas por editores e autores.

O público infanto-juvenil não ficará de fora da 1ª Bienal Virtual. O Espaço Mauricio de Sousa contará com palestras sobre livros e temas específicos para o público.

Durante o evento, acontecerá também a 2ª edição da Jornada Profissional, com rodadas de negócios entre players nacionais e internacionais. Esses encontros também promovem discussões sobre os panoramas atuais do setor e as perspectivas para o mercado editorial mundial.


As rodadas de negócios serão exclusivas para empresas apoiadas pelo Brazilian Publishers, projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a CBL e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A Jornada Profissional contará com 30 compradores internacionais previamente selecionados. As mesas e discussões serão abertas e poderão ser acompanhadas por todos os interessados.


A Bienal Virtual do Livro de SP tem o Pólen®, um produto Suzano, como patrocinador do evento.”Estamos muito felizes com mais essa parceria que apoiou a Bienal do Livro física por três edições e, neste ano, está patrocinando a 1ª Bienal Virtual do Livro de SP.”, afirma Vitor Tavares.

https://fb.watch/2ahT-3I8dN/

Rabatone: rabanada de chocotone

Rabatone: rabanada de chocotone

Data que celebra o amor e a união, o Natal é a oportunidade perfeita para confraternizar com as pessoas que amamos. Para tornar a celebração ainda mais saborosa, pratos deliciosos não podem faltar nessa noite especial. Pensando nisso, as irmãs Camila e Rafaela Camargo, fundadoras da Cookie Stories, uma das principais referências da gastronomia curitibana, criaram uma receita bem especial: o Rabatone, uma incrível mistura de rabanada com chocotone. E o melhor, pesando no isolamento social, o rabatone é uma ótima opção de preparo para ser enviado para a casa de parentes e amigos, mantendo o isolamento social.

Rabatone

Por Camila e Rafaela Camargo – Cookie Stories

Ingredientes

– 4 fatias de Chocotone (4 cm de largura, cada fatia)

– Meia lata de leite condensado (197 gramas)

– 1 e ½ xícara de leite (360 ml)

– 2 ovos

– 1 colher de sobremesa de canela (10 gramas)

– ½ xícara de açúcar (82g)

– 1 Litro de Óleo (para fritura)

Modo de preparo: Separe três recipientes diferentes. No primeiro, misture o leite condensado e o leite. No segundo, os ovos batidos. Misture em um terceiro recipiente o açúcar e a canela, e reserve. Coloque óleo para esquentar em fogo baixo, enquanto você continua o preparo. Corte o Chocotone em fatias e, assim que o óleo estiver pronto, passe na mistura do leite e depois no ovo batido. Em seguida, frite em óleo quente até que estejam douradas. Retire os Rabatones e coloque em um papel toalha para tirar o excesso de gordura. Para completar, passe as fatias no açúcar e canela e sirva ainda quentinho.

Café da Manhã com a prof. Ana Paula Cordeiro / Projeto Ludibus / Brinquedoteca / Biblioteca / Artes

“Imaginem um ônibus enorme que, ao invés de assentos para passageiros e catraca possui baús coloridos cheios de livros, gibis, brinquedos e materiais para a realização de diversas atividades artísticas. Imaginem um ônibus cheio de cores, com mesas e banquinhos apropriados para que crianças, em seu interior, sintam-se à vontade para ler, desenhar, pintar, brincar, sonhar. Este ônibus existe, sim. Muitas crianças da cidade de Marília – SP, o conhecem. É o LUDIBUS, carinhosamente chamado de “o ônibus da alegria”. Ana Paula Cordeiro

Domingo, 08/11, às 10h30 venha para um papo gostoso com a professora doutora da Unesp Ana Paula Cordeiro sobre o LUDIBUS, um ônibus que leva a arte e o lúdico às crianças de escolas da Educação Básica.
O projeto #Ludibus da Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp, Campus de Marília, consiste num projeto que reúne uma #brinquedoteca, #biblioteca e ateliê de artes itinerantes. Ele desenvolve trabalhos nas escolas de Educação Básica do município de Marília-SP, junto a professores e alunos. Visamos sensibilizar a comunidade escolar para as atividades lúdicas e artísticas e valorizá-las, como importantes elementos da cultura. Por meio do Projeto as linguagens artísticas são desenvolvidas dentro de uma perspectiva de criação, apreciação e reflexão

Dia do maquinista

Hoje, 20 de outubro é o Dia do Maquinista. Todo dia ao ouvir o apito do trem, lá longe na minha infância, meus sonhos acordados me levavam para o interior da cabine de um trem.

Foi no dia 8 de maio de 2013 que se sancionou a lei de número 12.621, instituindo o dia nacional do maquinista ferroviário. dia 20 de outubro foi escolhido por ser a data de fundação da Associação dos Maquinistas e Ferroviários de São Paulo (AMAFER), em 1907. A data é uma homenagem à categoria que há mais de um século conduz trens cada dia mais potentes e um grande número que movimentam as riquezas e as pessoas do país (Revista Ferroviária.

Café da Manhã – Bate papo com Rose Marie Inojosa sobre a Carta da Terra para os futuros prefeitos

Neste domingo, 18/10, as 10h30 vamos conversar com pesquisadora e pedagoga Rose Marie Inojosa sobre a Carta da Terra para os futuros prefeitos. Rose Marie Inojosa é conselheira da Aliança pela Infância; consultora em planejamento e gestão; participou da implantação da UMAPAZ – Universidade aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz uma unidade da Prefeitura de São Paulo, Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente, cujo objetivo é contribuir para a formação de cidadãos em sustentabilidade, com uma perspectiva transdisciplinar. É mestre em Comunicação e doutora em Saúde Pública.