Dia: 30 de outubro de 2018

OS DIFERENTES MATIZES DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO BRASIL 1997 – 2007

PREFÁCIO
Este livro nos apresenta a educação ambiental no Brasil, com sua história tão recente e tumultuada quanto sua importância e urgência para conseguirmos revolucionar as precárias relações entre nós, seres humanos, e as bases de sustentação da vida no nosso planeta.
Lembramos que o tempo e os múltiplos olhares nos processos da educação e da política ressignificam o passado, fazem emergir as contradições e conflitos do presente, sem que percamos nossa capacidade de constituirmos nossa memória de futuro.
Reiteramos assim a ideia inicial do Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis e Responsabilidade Global (Rio-92), “este Tratado, assim como a educação, é um processo dinâmico em permanente construção. Deve, portanto, propiciar a reflexão e o debate” para que juntos possamos criar sociedades sustentáveis, equitativas e com justiça socioambiental.
Órgão Gestor da Política Nacional do Meio Ambiente

dif_matizes (leia o texto em pdf)

Anúncios

30 de Outubro – Dia do Comerciário!

A categoria comerciária é, sem dúvida, uma das forças de trabalho que mais cresce no país. Por essa razão, trata-se de um segmento digno de todas as homenagens, visto que ele é a ponte entre os meios de produção e distribuição e o consumidor final.

 

É ele que acorda cedo e, muitas vezes, vai dormir mais tarde. Trabalha aos finais de semana e aos feriados, torna-se amigo dos clientes da loja ou outro estabelecimento onde trabalhe. Por seu empenho e importância, ganhou esta data, o Dia do Comerciário, além do reconhecimento como profissão.

 

O comerciário paulistano conquistou, historicamente, diversos direitos. Um deles é o café da manhã (para empresas com mais de 30 trabalhadores). Outros, ainda, a cesta natalina, vale compra assiduidade (setor de supermercados) e benefícios adicionais para trabalhos aos domingos e feriados. E, o mais forte deles, e que simboliza o Dia do Comerciário: um ou dois dias a mais no salário (dependendo do tempo de empresa), o que injeta milhões na economia.

 

É importante frisarmos que, apesar do momento difícil, a categoria e nós, do Sindicato dos Comerciários de São Paulo, continuamos lutando pela saúde financeira do país. Por sermos um setor de fundamental importância, tudo passa pelo comerciário. E você, que faz parte dos comerciários de São Paulo, é um elo do desenvolvimento desta metrópole. Parabéns!

 

Ricardo Patah

Presidente do Sindicato dos Comerciários de São Paulo e da União Geral dos Trabalhadores