Dia: 17 de dezembro de 2018

A ponte que cedeu

Por Gilberto da Silva

Ela está sem nome, mas não esquecida

Lembrada é todos os dias

Citada, desvelada, desnivelada

Desencantado as informações

Especulações, arquitetados pelo concreto

Fissuras, ranhuras, mediações midiáticas

Um ponto de referência

A ponte sem nome

Apenas aquela que cedeu.