Cartas ao SOL

Por Gilberto da Silva

No meio da escadaria, cartas sobrepostas.

Um Rei, Um Coringa. Ali, nada mais: nem mesmo um cigarro queimando em ritmo lento.

Ao fundo, uma marcha nacional, um hino, uma homenagem.

Mas as cartas ao sol, solitárias, angustiam por um término.

Uma aposta?

Uma dívida?

Um rito analítico yunguiano?

Que rei é este a teimar em ser tirano?

Anúncios

ÚLTIMAS SEMANAS DE INSCRIÇÕES PARA O EDITAL DE SELEÇÃO NACIONAL DO FESTA61 – FESTIVAL SANTISTA DE TEATRO

O Movimento Teatral da Baixada Santista recebe até 30 de junhoinscrições de espetáculos de todo país para a 61ª edição do FESTA – Festival Santista de Teatro, a ser realizado na primeira semana de setembro, na cidade do litoral paulista.

Grupos, companhias e produtoras interessadas em participar devem acessar a plataforma virtual www.festa61.movase.info e encaminhar o material necessário (release, sinopse, ficha técnica, entre outros).

O tema do FESTA61 será “O BERRO DO POVO”, contemplando propostas cênicas que reflitam sobre o tema em sua mostra nacional; e a produção contemporânea em sua mostra regional.

A proposta é inspirada pela obra do dramaturgo santista Plínio Marcos (1935-1999). Um dos autores mais perseguidos e censurados durante a ditadura militar, ele retratou a profunda desigualdade social brasileira e os conflitos de grupos minoritários e historicamente marginalizados.

Neste sentido, o FESTA61 pretende trazer à cena montagens que discutam as contradições políticas e históricas do Brasil e do mundo, a partir de violências cotidianas presentes em nossa realidade.

Curadoria e Seleção – A produção do festival responde pela curadoria da mostra nacional, que contará com cinco espetáculos (quatro do estado de São Paulo e um de outro estado).

O Festival – O Festa 61 é uma parceria entre o Movimento Teatral da Baixada Santista, o Sesc Santos, Secretaria Municipal de Cultura – Prefeitura de Santos, Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, Governo do Estado de São Paulo – ProAc Festivais de Artes II 2018/2019.

Fiel à premissa em promover a diversidade teatral, o evento abrange os mais variados gêneros e formatos, com programação adulta e infanto-juvenil, em espaços convencionais, alternativos e de rua.


61º FESTIVAL SANTISTA DE TEATRO
[FESTA61 – O BERRO DO POVO]
EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESPETÁCULOS

Inscrições pelo site www.festa61.movase.info
Mostra Nacional – Até 30 de junho.

FESTIVAL: De 1 a 7 de setembro de 2019, em Santos (SP)

Círculo de conversa na UFSCar aborda docência e militância política

O Núcleo de Formação de Professores da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) recebe na próxima quarta-feira, dia 19 de junho, Djalma Nery, professor de Sociologia na rede estadual e permacultor, para o círculo de conversa “Professor e militância política”. O evento, aberto às pessoas interessadas, acontece às 10 horas, no Núcleo, que fica na área Norte do Campus São Carlos.

Brasil, terra de Messias…

santinho de 1960

O Brasil já teve outros Messias, entre eles, Jânio Quadros, vereador, prefeito de São Paulo, governador e presidente da república. Ele também era o Novo, a luta contra os “de partidos” Marqueteiro de si mesmo. Moralista autoritário que fez da vassoura seu símbolo

Jânio Quadros adotou como símbolo de sua campanha a vassoura. Com este símbolo ele foi eleito Presidente da República em 1960, prometendo varrer a corrupção do país.

Alegando estar sendo assediado por forças terríveis, Jânio renuncia sete meses depois de empossado.

Veja a letra do jingle:

Varre, varre,varre vassourinha!
Varre, varre a bandalheira!
Que o povo já ‘tá cansado
De sofrer dessa maneira
Jânio Quadros é a esperança desse povo abandonado!
Jânio Quadros é a certeza de um Brasil, moralizado!
Alerta, meu irmão!
Vassoura, conterrâneo!
Vamos vencer com Jânio!

Freire e o pensar crítico

“A filosofia de Freire também tem suas raízes na teologia cristã, pela qual, aos olhos de Deus, os pobres são iguais aos ricos. Se a educação não libera a mente das pessoas para pensar criticamente, qual é o seu propósito?” Martin Carnoy, professor da Universidade de Stanford (EUA) à Folha de S. Paulo, domingo, 4 de novembro de 2018, b2.
@vitrinedogiba.com

Caatinga

A Caatinga é o bioma brasileiro de mais difícil de ser restaurado – Foto: Divulgação/SECTMA

“Caos de pedras cinzentas cavadas em desordem no chão de argila seca (…) paisagem dura, angulosa, trágica (…) visão que se estende até o infinito.” Roger Bastide, Brasil, terra de contrastes.

Livro Digital “Direitos das Pessoas com Deficiência”

A fim de fomentar os estudos e pesquisas nessa temática, foi lançado o Livro Digital “Direitos das Pessoas com Deficiência”, organizado pelos Professores  da PUC Minas André Vicente, Fernanda Diniz e pelo advogado Thiago Helton. A obra faz parte da Coleção Essencial de Direito do Curso de Direito da PUC Minas em Contagem/MG.

Além de oferecer gratuitamente, em formato acessível, conteúdos aprofundados nos mais diversos ramos do direito envolvendo a temática da pessoa com deficiência, o livro tem por objetivo homenagear o saudoso Professor Daniel Augusto dos Reis, tetraplégico, entusiasta do Direito Penal falecido em 2018.


CLIQUE AQUI PARA DOWNLOAD DO LIVRO