Antônio Pompêo, ator, diretor artista plástico e militante do movimento negro, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira no Rio.

antoniopom,peo

A informação foi confirmada pela Polícia Militar (PM), que ainda não divulgou as causas da morte. Ele, que tinha 62 anos, estava em casa, no bairro de Guaratiba.

Pompêo é conhecido por papeis em filmes como “Xica da Silva” (1976), de Cacá Diegues, e novelas como “Tenda dos milagres” (1985), da Rede Globo. Ele foi protagonista do filme “Quilombo”, também de Cacá Diegues. No longa, lançado em 1984, Pompêo viveu Zumbi dos Palmares.

Pompêo também foi presidente do Centro Brasileiro de Informação e Documentação do Artista Negro (Cidan) e diretor da Fundação Palmares.

O ator estreou na TV com “A moreninha” (1975), da Rede Globo. Ele fez papéis marcantes em “O Rei do Gado”, “Sinhá Moça”, “A viagem”, “Pecado capital”, “Mulheres de areia”, “A casa das sete mulheres”, “Pedra sobre pedra” e “Fera ferida”. Seu último trabalho na televisão foi em “Balacobaco”, da Rede Record, em 2012.

Combativo, o ator — nascido em 1953 na cidade de São José do Rio Pardo (SP) — sempre se posicionou contra o preconceito.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s