Bibliotecas são locais ideais para realização de makerspaces

Programa de Educação Continuada da FESPSP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo) explicará a metodologia que prioriza a prática no processo de aprendizagem.

 

As bibliotecas, como espaço de pesquisa, criatividade e inovação, são locais ideais para implementação de makerspaces, explicam as bibliotecárias maker Angela Maria Reis e Silvia Maria Rocha. Nos dias 18 de maio, às 11h30, e 23 de maio, às 17h30, as especialistas ministrarão o PEC (Programa de Educação Continuada) Bibliotecas como makerspaces: inovação, colaboração e criatividade. Para participar dos encontros, que acontecerão no campus FESPSP, é necessário inscrever-se em: http://www.fespsp.org.br/pagina/pec.
O maker movement, movimento do fazer, é uma prática com origem nos Estados Unidos que tem como proposta a fabricação ou adaptação de equipamentos com o material disponível e pelas mãos dos próprios usuários. “É uma nova metodologia, uma cultura que permeia a educação e, consequentemente, as bibliotecas na inovação e na criatividade”, explica Silvia Rocha, bibliotecária pela FESPSP e bacharel em Educação Artística pela Universidade São Judas Tadeu.
Porém, é o fator pesquisa que torna as bibliotecas ainda mais atrativas para a elaboração desta prática. “Para criarmos algo novo, precisamos saber como está o mercado, o que já existe e até mesmo os facilitadores para a criação. A biblioteca, além de contribuir com o ambiente e com o espaço, também contribui com o seu acervo e com o auxilio dos bibliotecários na pesquisa”, define Angela Reis, que trabalha com o projeto maker na Associação Alumni. “O bibliotecário é um profissional muito adequado para essa nova cultura, pois ele desenvolve, organiza e compartilha informação e conhecimento”, acrescenta Silvia.
Durante os encontros, que são gratuitos e abertos para todos os interessados, as bibliotecárias makers explicarão os conceitos e as dinâmicas dos makerspaces, do maker movement e darão dicas sobre como é possível desenvolver características makers.
Serviço
PEC – Bibliotecas como makerspaces: inovação, colaboração e criatividade.
Local: Campus FESPSP – Rua General Jardim, 522 – Vila Buarque, São Paulo – SP
Datas: 18 de maio de 2017 (às 11h30) e 23 de maio de 2017 (às 17h30).
Docentes: Angela Maria Reis e Silvia Maria Rocha.
Sobre Angela Maria Reis Silva
Bibliotecária na Associação Alumni, Centro Binacional Brasil-Estados Unidos. e menbro do Projeto Achieving 21st Century Skills, projeto desenvolvido pelo Departamento de Estado americano e o Instituto Smithsonian. Graduada em biblioteconimia e ciência da informação pela FESPSP(2010)  e Pós graduada em Gestão de Pessoas pelo Senac (2017).
Sobre Silvia Maria Alves Rocha
Silvia Maria Alves Rocha – Bibliotecária na Associação Alumni, Centro-Binacional Brasil-Estados Unidos. Membro do Projeto Achiving 21st Century Skills, projeto desenvolvido pelo Departamento de Estado americano e o Instituto Smithsonian. Graduada em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela FESPSP (1993), em Educação Artística  pela Universidade São Judas Tadeu USJT  (1990), pós graduada em Docência no Ensino Superior pelo SENAC SP(2016).
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s