Nota Cidadanista sobre o Impeachment

13001245_590467261102149_4402599926484616807_nNesse momento em que foi aprovada em nosso parlamento a continuidade do processo de impeachment da atual Presidente da República, restam poucas dúvidas que o Senado Federal irá ratificar o seu afastamento.

Por mais insólita que seja essa decisão diante da fragilidade da denúncia apresentada, da ausência de denúncia formal contra a presidenta no STF e pelas justificativas dos votos “contra a corrupção, em nome da família e de Deus”, em um processo organizado por um presidente da Câmara comprovadamente corrupto, acreditamos que a partir da troca de comando no país as medidas de austeridade, a restrição aos direitos dos trabalhadores, aos direitos das minorias e o projeto de recomposição das margens do grande capital diante da crise mundial, irão se intensificar capitaneada pela coalizão que articulou o golpe em nossa democracia.

A hora é de luta. Se com a possibilidade de não passar o impeachment nosso posicionamento era de iniciar uma cobrança sistemática para que o governo se colocasse mais à esquerda, oferecendo uma oposição sadia e construtiva para o país, agora a luta é pela interdição de um projeto predatório, excludente e classista que visa tão somente o abafamento das investigações da Lava-Jato e a impunidade dos golpistas.

Para Hannah Arendt, “A desobediência civil aparece quando um número significativo de cidadãos se convence de que, ou os canais normais para mudanças já não funcionam, e que as queixas não serão ouvidas nem terão qualquer efeito, ou então, pelo contrário, o governo está em vias de efetuar mudanças e se envolve e persiste em modos de agir cuja legalidade e constitucionalidade estão expostas a graves dúvidas. (Ensaio sobre a Desobediência Civil, p.68).

É, mais do que nunca, momento de união, de luta, resistência e manifestação contra o vilipêndio cometido contra o Estado Democrático de Direito em nossa República. Que façamos coro com as vozes da rua e ofereçamos toda a força e energia necessárias para que os direitos duramente conquistados não sejam tirados do povo, assim como, tão logo possível, façamos com que esse eixo corrupto e hipócrita seja destituído democraticamente oferecendo opção de voto alinhado com as necessidades mais prementes de nossa sociedade.

Portanto, a RAIZ – Movimento Cidadanista se coloca com grande pesar e disposta a mobilizar-se contra todo tipo de corrupção e a favor da democracia. Cobraremos sem cessar o Judiciário para que sejam julgados e condenados todos aqueles que armaram essa farsa com a intenção de se safar.

Contra a farsa do golpe, a favor da luta democrática!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s